COMPANHIA JÚNIOR

DIREÇÃO ARTÍSTICA

EDER CARDOSO
ANDREW WARD
OBJETIVO

A criação da companhia tem como objetivo desenvolver potencialidades e capacidades de modo a conseguir um lugar de destaque no mundo das artes performativas a nível nacional, e depois de consolidada, ter também destaque a nível internacional. Ser uma inspiração e um exemplo para as futuras gerações.A companhia júnior da YLD irá trabalhar de forma consistente e progressiva, com os melhores alunos das escolas de dança de Portugal, tanto no aspeto criativo – com a criação de peças de coreógrafos associados do projecto, ou de coreógrafos convidados – como no aspeto tutorial de acompanhamento desses alunos a encontrar a melhor saída profissional, dentro das capacidades e vontades do aluno pré-profissional.

Trabalho em equipa e espírito de grupo com sentido de responsabilidade e respeito pelas diferenças são valores pelos quais se rege este projeto.

Criação de valor melhorando o desempenho artístico, fazendo mais e melhor e assumindo os novos desafios que contribuam para o crescimento da Companhia. Promover a criatividade e o espírito de iniciativa. Opção pelos caminhos que reforcem os princípios de responsabilidade, honestidade, lealdade, retidão e justiça, na conduta diária de todos, porque além de pretendermos formar bailarinos, queremos contribuir na sua formação como pessoas. Nesta jovem companhia serão as escolas a proporem os alunos mais velhos que acreditam estarem mais bem preparados, sem detrimento de se poderem juntar outros alunos mais novos que as escolas entendam que o trabalho seja importante para o seu desenvolvimento pessoal.

Apesar de as escolas poderem indicar alunos, caberá sempre à direção artística da companhia a decisão final de incorporar o aluno proposto no elenco da coreografia a ser criada. Há ainda a possibilidade dos alunos que já não estejam ligados a uma escola se poderem propor a audição, ou ainda a direção artística da companhia avançar com convites pontuais a determinados jovens bailarinos. O número de bailarinos não será fixo, variando de criação para criação. Será nosso intuito trabalhar como o maior número de jovens bailarinos possível, tentando garantir que no final de cada ano se tenha trabalhado com o maior número possível de alunos e dado uma experiência de trabalho profissional a todos os que possuem talento e capacidades artísticas e técnicas.